videos

[ dá que pensar.. ]

em breve ultrapassaremos os 7 mil milhões de habitantes neste nosso pequeno canto do universo..

se há alguma coisa que desejo mesmo para 2011,

é de que as pessoas se apercebam que deveríamos viver com o nosso planeta e não dele..

Feliz 2011!




[ resistance ]

“I’ll wait a thousand years just to see you smile again”


[ quando eu for grande.. ]

quando eu for grande quero fazer isto também!!

(holy f****** s***!)


[ “I’d ask you about love(…)” ]

“I’d ask you about love, you’d probably quote me a sonnet.

But you’ve never looked at a woman and been totally vulnerable.

Known someone that could level you with her eyes, feeling like God put an angel on earth just for you.

Who could rescue you from the depths of hell.

And you wouldn’t know what it’s like to be her angel, to have that love for her, be there forever, through anything,(…)”

Robin Williams em “O Bom Rebelde”

porque sim..


[ pena que nem todos se importem.. ]

há coisas que nos tocam a todos..

mas poucos são os que fazem alguma coisa sobre isso..


[ how to spoon! ]

ladies.. how about a compromise with a “spork”? lololol

com a voz de Michael C. Hall


[ a um (a)braço de distância.. ]

porque nem sempre podemos ter as pessoas que nos são importantes bem pertinho de nós..

Vodpod videos no longer available.

mesmo assim estão sempre no coração..


[ in my arms.. ]

há coisas que se encontram de repente.. quase sem se querer..

coisas boas.. simples.. que sabem mesmo bem..


[ revisitando o passado.. ]

Formação clássica do Pink Floyd. Da esquerda para direita: Roger Waters e David Gilmour (acima). Nick Mason e Richard Wright (em baixo).

estava eu com 12 / 13 anos quando me começaram a chagar a paciência para ouvir Pink Floyd.. confesso que no início não apreciava.. ou melhor.. não gostava mesmo..

mas eventualmente comecei a prestar atenção ao álbum The Wall.. comecei a gostar.. vi o filme.. e desde então que a música deste grande grupo me segue e ocupa um lugar especial na minha lista de favoritos..

fica uma das minhas favoritas, a música que dá o nome ao álbum de 1975 – Wish You Were Here


[ há 29 anos.. ]

neste “meu” dia, fica aqui um mimo para todas as pessoas que me são queridas..

🙂

Raymond Crowe, ao som do grande Louis Armstrong – What a Wonderful World..